Sobre o caminho de Choronzon
por Frater Magister 





"Enquanto o Universo não estiver assim despido diante de ti, tu não podes estudar-lhe bem a anatomia. As Tendências da tua Mente jazem mais fundo que qualquer pensamento, pois elas são as Condições e as Leis do Pensamento; e são estas que tu tens de reduzir a Nada. Este Caminho é mui seguro; mui sagrado; e seus Inimigos são mui terríveis, mui sublimes. É para as Grandes Almas o entrar neste Rigor e Austeridade; a Elas mesmo os Deuses rendem Homenagem, pois é o Caminho da Máxima Pureza."
(Fragmento de Liber Aleph por Aleister Crowley)



        Vale para ressalva. Choronzon não é um poderoso ser, ele é um sifão, um buraco negro desprovido de luz que absorve tudo que dele se aproxima. Ele não é responsável por nossa emancipação espiritual. Ele é também chamado nos meios thelêmicos como o "colecionador de adeptos". Mas não os "Adeptos", e sim aqueles com a mente fraca. Ele quer obviamente ser lembrado, quando nós devemos esquecê-lo. Pois ele é o ego inferior ou tudo que ele representa. 

Ódio, cobiça, egoísmo, miséria, avareza, pobreza de espírito. Ele demonstra claramente que existem duas forças no universo, não bem e mal, e sim, a ativa e a passiva. A ação e a inércia. A Ativa luta pela humanidade, a passiva luta contra a emancipação do ser humano. 

Existem muitas ordens que fazem parte da força passiva, onde os membros são subservientes as forças infernais, mesmo sem saber, essa força passiva, onde os membros são subservientes as forças infernais, e outras ligadas a determinadas organizações religiosas onde os membros não passam de meros joguetes ou instrumentos nas mãos dos demônios. 

Na nossa Ordem, as forças demoníacas são subservientes ao mago, ou como dizia Eliphas Levi: o feiticeiro se dá ao diabo e o diabo se dá ao mago. 

Essas forças existem para nos servir e não nós a elas, principalmente criando rituais sem explicação e sem saber para que realmente servem. Eliphas Levi fala também, sobre o mago subjugar o diabo(Choronzon) à sua vontade e o feiticeiro ser uma marionete nas mãos do mesmo, para romper o vínculo com sua mônada divina, sua alma. 

Nossa alma (Adonai, SAG) quer nos salvar, ele está sempre lutando por você. Mas, a resposta final tem que ser sua, ao mesmo tempo tem uma voz dentro de você que não quer que isso ocorra e inventa mil desculpas lindas pra lhe convencer do contrário. Das muitas fórmulas para consecução espiritual, as mais importantes são abrir os canais dos chacras com o emprego da energia prânica e de kundalini, que devem se chocar em tiphereth para que a consecução seja completada; e, através dos rituais de invocação aos Deuses que nos auxiliam a assumir nossa personalidade mágicka. 

Pois eles entrarão em contato com a parte do elemento akasha, o quinto elemento do espírito presente no nosso sangue através de uma energia intitulada - bioplasma- a quintessência - conseguindo se materializar em nossa estrutura anímica. Mas para isso, o magista precisará de muita energia, a maioria das pessoas não entendem sequer o que é lidar com demônios. 

Lidam com exus, não com demônios. Demônios são seres poderosos e se manifestam ou materializam apresentando-se de três à quatro metros de altura. Um poder gigantesco, que absorve uma grande quantidade de energia, uma ocasião num ritual de evocação nos EUA
de Bael, foram precisas 40 pessoas todos devidamente protegidos por círculos mágicos e ele apareceu com 3 metros de altura, pernas de aranha, uma cabeça enorme. Todos os 40 participantes ficaram sentindo-se mal depois do ritual por uma semana, com sintomas de gripe pelo esgotamento do fluído vital. 

Para se ter uma idéia, a vários tipos de manifestação numa evocação, a maioria se dá no plano astral, sendo só visíveis por videntes, nesse caso não há problema, mas se um demônio de alta estirpe aparecer a poucas pessoas todos podem vir a morrer por esgotamento vital, com sintomas de ataque cardíaco, sufocação, e outros. 

Existem potências ainda mais poderosas e mais antigas, mas essas entidades estão fora de nossa esfera astral. Só verdadeiros magos podem chamá-los, com proteção e o poder do Santo Anjo Guardião que é sua alma e seu Eu Superior e tem o poder de Deus inserido. 

Lúcifer que a maioria conhece é um demônio chamado Choronzon, o numero dele é 333. Ele é o dono dessa ilusão chamada maya, mas, não é o Lúcifer de verdade. Choronzon faz de tudo para que pactuemos com ele. Ele é o pai da mentira, do caminho pseudoiniciático e tem uma astúcia sobre-humana, aprendi isso na pele, sobre a astúcia deles, os "macacos de choronzon". 

Nessa era, o mundo está em constante transição. Aqueles que são subservientes a Choronzon, já estarão sendo jogados em algum planeta em construção, forçados a começar tudo do zero, como na era das cavernas, ou como semi-primatas novamente, ou ficar no caos da terceira dimensão. No meio de milhões de morto-vivos em um sofrimento que parece não terminar, não infringido por Deus, e sim por eles mesmos, a eles mesmos, pois cada um cria seu próprio inferno, tanto aqui na terra, como no céu. 

Se formos entretanto, do lado certo, do lado ativo, do lado da Ação, do da "Luz" interior que ilumina. Iremos passo a passo para a quarta dimensão, onde desfrutaremos de um futuro brilhante, do início em vias de fato da assunção espiritual e de muitas aventuras que ainda nos esperam. 

Se você é membro de alguma Ordem ou freqüenta algum local em que sente que a energia é pesada, onde pessoas estão mais preocupadas em fofocar sobre a vizinhança e reparar coisas supérfluas; acredite meu amigo, você estará a meio caminho de Choronzon. O caminho da discórdia! 

O deus que diz: ajoelhe-se e me adore é Choronzon. Pois o verdadeiro Deus, Lúcifer, Jesus, ama os seus filhos e não quer que eles sofram e ele tem uma enorme responsabilidade, uma responsabilidade kármica, pois quer que seus filhos sejam deuses encarnados, que evoluam, que despertem todo o potencial de suas almas e sejam sacerdotes e reis assim como foi Salomão e não meros escravos subservientes que o falso Lúcifer preside. 

Lúcifer é o portador da luz, o portador da sabedoria, Lux Ferris, Prometeus, o portador da luz, e nós não nos curvamos a ninguém. Pois você é Deus, porque é parte do Todo. 

E Deus não se curva e nem precisa fazer coisas no anonimato. Pois se alguém o faz, é porque tem alguma culpa. As pessoas de bem, que possuem riqueza espiritual ou espiritual e material são filhos da Luz e são pessoas felizes, porque são pessoas que amam. 

Já aqueles que são sórdidos e mesquinhos são servos de Choronzon e matam pelo seu deus negro. O Deus de verdade é chamado de "Imanifesto", ou seja, aquilo que nunca se manifestou na existência e Lúcifer é a parte manifesta do Imanifesto. Pois ele é luz, Phósphoros, e não negrume nem escuridão. É a parte de Deus que se manifestou em todos nós. Se você é uma boa pessoa, tem um bom coração e é sincero e se passou por maus bocados na vida ficou revoltado com uma imagem de deus que foi pregada por mentirosos, e procurou o caminho iniciáticos, muitos disfarçados, e mentirosos, estes lhe serão meras armadilhas para aprisionar o seu ego. 

Nós podemos ter tudo o que queremos da vida, mas da maneira certa, não precisamos ser fiéis a Choronzon. Revolta, ódio e outros tais como esses sentimentos fazem parte de Choronzon. Para seguir o Caminho da Luz, temos que nos limpar por dentro, apagar velhos conceitos, e falsas morais que só visam jogos de interesse de servos do mal e da matéria. E finalmente temos que nos redimirmos, para começar a triunfar como Verdadeiros Iniciados. Infelizmente é no fundo do abismo que começamos a enxergar a luz. Seremos nobres e os escravos sempre serão escravos, e os reis serão sempre reis, pois como disse Crowley, um rei pode se disfarçar de mendigo, mas um mendigo jamais esconderá sua pobreza, a miséria de sua alma. 

Entretanto, não é fácil sair das garras de Choronzon, mas no final é a Vontade pura e verdadeira e sem ânsia de resultado que importa, aquela que lhe une a alma, ao SAG, a Verdadeira Vontade que te ensina a falar a língua dos anjos , dos demônios e dos elementos, e essa é a nossa consecução.